À esquerda da esquerda

pajaros total 2 255c vd fcrr v2 720 gimp re32c

Cansei da esquerda toda. Da radical e da dos compromissos. Da bonapartista e da individualista. Da auto-proclamada e da hetero-proclamação. Da que se agarra ao passado e da que tem medo do futuro. Dos ortodoxos e dos pragmáticos. Dos revolucionários de pacotilha e dos social-democratas de cordel. Puta que pariu. Não querem mudar nada. Não querem que nada mude. Voltarei para a devida auto-crítica ou não voltarei. Tão simplesmente. Para dizer adeus a esta palhaçada não é preciso mais do que um parágrafo. É este. Não vou desistir, vou descobrir novos caminhos. Não contam é comigo para repetir receitas cujo desastre é garantido. Beijos e abraços.