Sobressalto eleitoral no Estado Espanhol

1432531589_803393_1432532274_noticia_normal

Apesar do PP continuar a ser o partido mais votado, se somarmos a totalidade dos votos a nível nacional, a verdade é que as eleições municipais no Estado Espanhol foram uma retumbante derrota para o bloco central. PP e PSOE, juntos, perderam 3 milhões de votos, além da câmara municipal de Madrid, Barcelona e das regiões da Andaluzia e da Galiza. A cereja no topo do bolo é a eleição da militante Ada Colau, que ao contrário de outro tipo de líderes abriu caminho na linha da frente da luta política no combate aos despejos das populações mais afectadas pela crise económica. Bons ventos!

El PP pierde 500 mayorías absolutas en toda España

Pablo Iglesias: “Ahora toca derrotar al Partido Popular en noviembre”

One thought on “Sobressalto eleitoral no Estado Espanhol

Deixe o seu comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s