Israel Bias

16264328235_bd67445438_b

Israel, de braço dado com o ISIS, atacou posições na Síria e no Líbano. Como resposta perdeu quatro soldados nos Golã e viu o Hezbolah responder aos seus ataques. Face a tudo isto, a imprensa apressa-se a dizer que é Israel quem “está debaixo de fogo” e “a ser atacado”. A situação na região assiste a mais uma escalada, motivada uma vez mais pelo colonialismo sionista e pelo fundamentalismo ao qual se aliaram. Que a vitória de Kobane inspire quem no terreno oferece resistência à repetição das aspirações dos que pariram Auschwitz, mesmo que desta feita o Reich seja interpretado por quem fala em nome das vítimas.

Advertisements

Deixe o seu comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s