“Tiros de Inteligência”, vários autores

10277609_736661046429706_4403202422498846217_n
“-Ainda não houve atentados em França? – Esperem! – Temos até ao fim de Janeiro para apresentar os desejos de bom ano” – Um dos últimos desenhos de Charb

“Non, rien ne peut justifier l’attaque contre Charlie Hebdo. Quelle que soit la guerre que l’on mène, les journalistes ne peuvent être des cibles légitimes. Non, Charlie Hebdo ne l’avait pas “bien cherché”. Quelles que soient les saloperies que l’on raconte, on ne mérite pas d’être tué pour ça. Non, et ce quand bien même les auteurs de l’attaque se revendiqueraient de l’Islam, les Musulmans n’ont rien à voir, individuellement ou collectivement, avec ce qui s’est passé, et n’ont pas à s’excuser d’être musulmans ou à être contraints de se “désolidariser”. Non, ceux qui ont dénoncé avec raison l’islamophobie de Charlie Hebdo et d’autres médias ne portent aucune responsabilité dans ce qui s’est passé, et n’ont aucune raison de cesser de le faire à l’avenir. Non, le “modèle français du vivre-ensemble” n’est pas “attaqué”. Ce “modèle” est un mythe destiné à couvrir le racisme structurel à l’oeuvre en France, et personne ne me forcera à le défendre face à la “barbarie” qui le menacerait. Non, “l’unité républicaine” aux côtés de racistes aux indignations sélectives n’est pas une réponse, et personne ne me forcera à mêler ma voix aux professionnels de la récupération politique et aux amalgameurs en tout genre. Oui, depuis ce midi j’ai envie de pleurer. De colère et de dépit. Mais on lâche rien.” Julien Salingue

“Lamento os mortos do Charles Hebdo. E os mortos (e censurados, e perseguidos, e despedidos, e vilipendiados), os milhares e milhares de mortos, jornalistas também, apostados em contar a verdade, de todas as chacinas dos exércitos norte-americano, francês, britânico, alemão, israelita e outros, de todas as potências imperialistas, em todas as partes do mundo, sempre. Nem todos os que se indignam com este atentado, e que se calam ou tomam partido pela opressão quando quem mata é um aparelho de Estado, podem afirmar o mesmo. Como dizia o grande Jacques Vergès perante a hipocrisia dos tribunais franceses que tinham rejeitado julgar torturadores da guerra da Argélia, «inclinamo-nos perante o martírio das crianças de Izieu porque trazemos o remorso das crianças argelinas: e porque não separamos, na morte, as vítimas»”. João Vilela

“Não é curioso que este atentado tenha ocurrido em França que reconheceu recentemente no parlamento o Estado Palestiano, para além de ser contra um jornal conotado com a esquerda. And now for something completely…equal : a front national cresce, cresce, cresce…” Paulo Raposo

“Um bando de energúmenos sequestra uma ideia (a fé) e, em nome dela, mata gente que também estava numa organização que havia sequestrado outra ideia (a liberdade de expressão) em nome da qual, estigmatizava e rotulava toda uma comunidade, distilando ódio islamofobo! Esta barbaridade não servirá apenas a extrema-direita, mas sim, toda uma cultura e uma ideologia racistas transversais a infelizmente quase todos os quadrantes políticos europeus e que têm vindo a crescer e a fortalecer-se! Um dia triste, em que o cinismo político despira o seu manto diáfano, disparando contra muçulmanos em nome da defesa dos “valores ocidentais”! Esta cobardia assassina poderá vir a ser um verdadeiro golpe de misericórdia no esforço de conquista do espaço público pelos muçulmanos na Europa!Este esforço nunca esteve tão ameaçado como hoje! Tal como não pactuamos com esta barbárie também não cederemos à estigmatização em curso! Estou assustado!” Mamadou Ba

E ainda as capas do i e do DN, os cartoons do Dave Brown, do Carlos Latuff (I, II), do Benjamin Lacombe e do Banksy

Deixe o seu comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s